Corpo Docente

Permanente
Nome Lattes Linha de Pesquisa
Adriana Bittencourt Machado

Possui graduação em Licenciatura Em Dança pela Universidade Federal da Bahia (1987), mestrado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2001) e doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2007). Atualmente é Associada I da Universidade Federal da Bahia, professor e membro permanente do Mestrado em Dança-Programa de Pós Graduação em Dança vinculada a linha II. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Dança, atuando principalmente nos seguintes temas: dança, corpo, avaliação, imagem e memória, sistemas comunicacionais/complexos. Nas funções de gestão atuou como Vice-chefe e Chefe de departamento, Vice-coordenadora e coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Dança e Vice-diretora da Escola de Dança/UFBA

Amélia Conrado

Doutora e Mestre em Educação pela Universidade Federal da Bahia. Especialista em Coreografia pela Escola de Dança da UFBA. Licenciada em Educação Física pela UFPE. É Professora Associada da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia. Integrou o quadro de professores da Faculdade de Educação de 1998 até 2017. Membro do Programa de Pesquisa e Pós-Graduação em Dança (PPGDança) e também pesquisadora do Grupo Internacional de Pesquisa RETINA - Recherches Esthétiques & Théorétiques sur les Images Nouvelles & Anciennes sob coordenação do filósofo François Soulages. É líder do GIRA: Grupo de Pesquisa em Culturas Indígenas, repertórios Áfro-brasileiros e Populares. Área de atuação: Educação com ênfase em Pluralidade e Diversidade Cultural, Politicas Publicas e Prática Pedagógica. Sub-áreas de estudos e pesquisas: educação para as relações étnico-raciais; cultura negra; danças afro-brasileiras, indígenas e populares; capoeira angola. Além destas, atua com didática do ensino da Ginástica no campo artístico e educacional. É Coreógrafa, dançarina e professora de dança afro e danças populares brasileiras. Trabalhos artísticos em destaque para Noite da Beleza Negra do Bloco Afro Ilê Aiyê; Balé Folclórico da Bahia em Rapsódia Nordestina e recentemente a obra Maria Meia Noite. Possui artigos em livros e revistas sobre danças. Pesquisadora para o Inventário e salvaguarda da Capoeira como patrimônio imaterial do Brasil (IPHAN-MINC). Premio Professor Visitante Ilustre pelo Five College Latin American, Caribbean and Latino Studies (Massachusetts Amherst -USA)

Carmen Paternostro Schaffner

Professora Doutora da Escola de Dança da UFBA. Dançarina, Coreógrafa e Diretora de espetáculos. Fez Bacharelado, Licenciatura e Mestrado na Escola de Dança da UFBA, onde atua como Professora Doutora Nível Adjunto. Atualmente, pertence ao Grupo de Pesquisa Corponectivos em Dança, Linha Filosofia da Dança, desenvolve Projetos de Extensão com Universidades Alemãs em conexão com a Bahia. Também, Coreógrafa do Grupo de Dança Contemporânea da UFBA, gestão 2013. Atua na área de ensino em Estudos Críticos Analíticos, e tem a função administrativa de Vice Diretora (2015-2019)e Coordenadora Acadêmica da Escola de Dança, 2013-2016. Tem publicado pela EDUFBA: "A Dança Expressionista Alemanha-Bahia" e "Da Dança Expressionista ao Teatro Coreográfico" "Trabalhos Reunidos 2 - Conexão Dança org. Como Encenadora e Coreógrafa foi responsável pela criação dos seguintes grupos : Grupo Intercena (1976-78) e (1990-2008), Grupo Calcutta Dance Theatre (1979-81), Grupo Pagu Teatro Dança/Belo Horizonte (1983-85).Obras recentes: CONEXÃO DANÇA ALEMANHA-BAHIA org seminário 2013; CABAÇA - espetáculo de dança do GDC/UFBA 2013/14); AGÔ ARERÊ - espetáculo do BTCA 2014/15; NARCISSUS - espetáculo teatral Intercena/Toca 2016/17; CORPO NEGRO - org.seminário de pesquisa artístico acadêmica do grupo Corponectivos 2017.

Daniela Maria Amoroso

Professora da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia (2010), Pós-doutora pela Université Paris 8- Saint Denis (2015/2016) com o projeto de pesquisa: O passo nas danças populares brasileiras: corpo, etnocenologia e criação, Doutora pelo Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal da Bahia - UFBA (2009), Daniela é dançarina e pesquisadora. É graduada em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP (1999) e Mestre em Política Científica e Tecnológica pela Universidade Estadual de Campinas- UNICAMP (2004). Realizou seus estudos de graduação em Dança na Universidade Estadual de Campinas (2000-2005) . Desde 2001 se interessa por processos de criação em Dança em diálogo com as danças populares brasileiras. Atualmente trabalha com as disciplinas: Estudos do Corpo e Estudos de Processos Criativos na graduação da Escola de Dança da UFBA e as disciplinas Danças Tradicionais, Etnocenologia e Corpo e Criatividade no Programa de Pós Graduação em Artes Cênicas da UFBA. Suas áreas de interesse são os diálogos de dança que se configuram a partir de mediações culturais, ou seja do corpo em contato participativo com expressões populares da cultura brasileira. Desde 2013 é diretora artistica e idealizadora do Casarão Barabadá, espaço voltado à crianção em Dança em Salvador. Integra o Grupo Interdisciplinar de Pesquisa e Extensão em Contemporaneidade, Interdisciplinaridade e Teatralidade GIPE-CIT/PPGAC desde 2006 e é líder do Grupo de Pesquisa em Dança, Cultura e Contemporaneidade- GPDACCO no programa de pós-graduação em Dança, UFBA desde 2015.

Fabiana Dultra Britto

Docente da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia, desde 2004 e Pró-Reitora de Extensão Universitária da UFBA, desde setembro/2014. Foi Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Dança da Universidade Federal da Bahia entre 2006-11. Possui graduação em Licenciatura em Dança pela Universidade Federal da Bahia (1987), Mestrado em Artes pela Universidade de São Paulo (1993), Doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2002), Pós-Doutorado em Arte Pública pela Bauhaus Universität Weimar (2009) e Estágio Sênior no Centre de Recherche sur LEspace Sonore et LEnvironnement Urbain - CRESSON-CNRS (2012). Desde 2006, lidera o grupo de pesquisa Laboratório Coadaptativo LabZat (contemplado pelo edital MCT/CNPq 50/2006 e MCTI/CNPq Universal 14/2014), onde atualmente coordena a pesquisa "Pesquisa e Dança: ambiências em fricção". Desde 2009, integra o Laboratório Urbano (PPGAU/UFBA) coordenando a Linha de Pesquisa "Estética, corpo e cidade". Participou das pesquisas: "Experiências metodológicas para apreensão da complexidade da cidade contemporânea" PRONEM FAPESB/CNPq 028/2010 (http://www.laboratoriourbano.ufba.br/pronem); "PIRVE- Laseptisation des ambiances pietonnes: la passivité et la plasticité des corps en marche" (http://www.marcheenville.ufba.br ) e "MUSE - Les énigmes sensibles des mobilités urbaines contemporaine", ambas coordenadas por Rachel Thomas (Laboratoire CRESSON-CNRS), financiadas pelo CNRS e ANR. É coordenadora geral da Plataforma Corpocidade (http://www.corpocidade.dan.ufba.br), que engloba a pesquisa Corpocidade (em curso desde 2008), os eventos acadêmicos Corpocidade, realizados bienalmente (2008, 2010, 2012 e 2014) e a revista semestral Redobra (www.redobra.ufba.br). Membro titular do Conselho Superior de Ensino Pesquisa e Extensão CONSEPE e do Conselho Acadêmico de Pesquisa e Extensão CAPEX da UFBA como Pró-Reitora de Extensão desde 10/2014, e como representante da Escola de Dança no biênio 2010-12. É coordenadora editorial da revista semestral Redobra e membro do Conselho Editorial da Revista Científica FAP. Como docente, atua na área de Artes/Dança, com ênfase em Teoria, História e Crítica na graduação e pós-graduação lato sensu e stricto sensu. Dedica-se à pesquisa dos temas relacionados com processos coevolutivos entre corpo, dança e contexto (coplasticidade e corpografia); experiências interdisciplinares de composição artística e pesquisa acadêmica em dança; e com os estudos sobre temporalidades (memória, história, documentação e catalogação de dança). Atua como crítica e curadora de dança freelancer; como consultora em ações institucionais de cultura e arte; e como colaboradora em processos de composicão coreográfica. É colaboradora do grupo de dança Cena 11 / Alejandro Ahmed (SC) desde 1999, atuando como coautora nos trabalhos "Projeto SKR" (2000-04) e "Guia de idéias correlatas" (2006-08) e consultora nos trabalhos "Skinerbox" (2003) e "SIM: ações integradas de consentimento para ocupação e resistência"(2009). Autora de "Temporalidades em Dança: parâmetros para uma história contemporânea" (2008) e co-autora de "Corpocidade: debates, ações, articulações" (2010) e "Gestos Urbanos" (2017).

Fatima Wachowicz

Realizou pesquisa Pos-Doutoral na Western Sydney University, The MARCS Institute, Australia, como bolsista CAPES (2014-2015), onde desenvolveu trabalho na area da dança e cognição. Doutora pelo Programa de Pos-Graduação em Artes Cenicas na Universidade Federal da Bahia (PPGAC/UFBA), bolsista CAPES (2006-2009). Participou do grupo de pesquisa Music, Cognition and Action, The MARCS Institute - WSU, Australia durante dois anos. Possui graduação em Licenciatura Plena em Dança pelo Centro Universitário da Cidade-UniverCidade/RJ (1999), Especialização em Dança Cênica pela Universidade do Estado de Santa Catarina (2000) e Mestrado em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia (2005). Foi Professora Colaboradora na Universidade do Estado de Santa Catarina/UDESC no Bacharelado em Teatro (2009-2010) e Professora Adjunta na Universidade Federal de Viçosa/UFV nos cursos Bacharelado e Licenciatura em Dança (2010-2012). É formada em teatro pela CAL - Casa das Artes de Laranjeiras/RJ, em Hatha Yoga, pelo Yoga Santosha/Salvador, e Pilates, pela Physio Pilates - Polestar/Salvador. Estudou com Rainer Vianna, Regina Miranda, Débora Growald, Ceme Jambay, Vera Aragão, Tizuka Yamazaki, Renato Icarahy, Amir Haddad, Beti Rabeti, Hamilton Vaz Pereira, Claudio Tovar, Leny Dale, Ana Vitoria, Alito Alessi, Camillo Vacalebre, Martin Keogh, Fernando Neder, Ralf Jaroschinski, Keira Mason-Hill, David Zambrano, Frey Faust, Dee Walsh, Fiona Malone, Donnie Mather, Anne Bogart, Chuck Mee, entre outros. Tem experiência na área de Artes, atuando principalmente nos temas: dança, teatro, improvisação, Viewpoints e ciências cognitivas (embodied cognitive science, cognitive psychology). Desenvolve pesquisa experimental e métodos para investigar os processos cognitivos da atenção, percepção e memória do movimento na criação e performance corporal. Trabalha com técnicas de Contato Improvisação e Viewpoints nos processos criativos. É membro do World Dance Alliance - Americas, e do International Dance Council/CID - Conseil International de la Danse/ UNESCO. Integra o Grupo Corponectivos: Dança, Artes e Interseções, vinculado ao Cnpq, no qual coordena o LAPECOM - Laboratorio de pesquisa em estudos cognitivos do movImento (http://lapecom.wix.com/lapecom). Mantém colaboração internacional com a Prof.Dra. Kate Stevens do Music, Cognition and Action research group, The MARCS Institute. Atualmente é Professora Adjunta na Escola de Dança/Programa de Pos-Graduação em Dança na Universidade Federal da Bahia.

Gilsamara Moura

Artista, coreógrafa, curadora, bailarina, docente e consultora de projetos culturais. Doutorado e Mestrado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP / Bolsista CAPES - 2008 / 2000) com pesquisa sobre Políticas Públicas em Dança (doutorado) e Dança / Literatura (mestrado). Aperfeiçoamento em Estudos Literários e Linguísticos pela Universidade Estadual Paulista (UNESP, campus Araraquara / Bolsista CNPq - 1993). Graduação em Letras: Licenciatura com Habilitação em Português / Francês e Português / Grego pela Universidade Estadual Paulista (UNESP, campus Araraquara - 1994). Professora Permanente (Adjunto IV) do Programa de Pós-Graduação em Dança (PPGDança) da UFBA (Especialização em Estudos Contemporâneos em Dança e Mestrado Acadêmico em Dança). Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas (PPGAC) da UFBA. Foi bolsista da Fundação Vitae como coreógrafa residente no American Dance Festival (1998). Pesquisadora do Centro de Estudos em Dança da PUC-SP desde 1996. Foi presidente da FUNDART - Fundação de Arte e Cultura do Município de Araraquara (de 2001 a 2004) e vice-presidente (de 2005 a 2008). Idealizou, implantou e foi gerente da Escola Municipal de Dança "Iracema Nogueira" (de 2003 a 2008). Membro da Red Sudamericana de Danza. Coreógrafa residente no IPL ? International Performance Lab (Lima / Peru - 2008). Co-realizadora do Projeto de cooperação internacional FRONTEIRAS, sob coordenação do artista iraniano Khosro Adibi. Idealizador e coordenadora do projeto Diálogo Mestiço e Gestus Cidadãos. Foi vice-coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Dança (PPGDança) da UFBA (de 2012 a 2015). Vice-Líder do Grupo de Pesquisa CORPONECTIVOS: Dança / Artes / Intersecções (UFBA / CNPq). Membro do Colegiado de Licenciatura em Dança EAD da UFBA (2016-2017). Membro do colegiado da Pós-Graduação em Artes Cênicas (PPGAC) da UFBA (2017-2018). em Membro das Câmaras Básicas de Assessoramento e Avaliação Técnica da FAPESB (de 2011 a 2014). Professora convidada do IMPULSTANZ (2012-2014 / Viena). Professora convidada do Curso de Especialização em Artes e Ação Cultural (PósArtCult). Professora convidada da Universidad de las Artes (Guayaquil / Equador - 2017) e Universidad Laica Eloy Alfaro (Manta / Equador - 2017). Membro da Associação Nacional de Pesquisadores em Dança (ANDA). Apresentou-se na Alemanha, Argentina, Colômbia, França, Peru, Equador, EUA, México, Uruguai, Venezuela, Paraguai e Costa Rica. Recebeu os prêmios En-Cena Brasil (2002), Caravana FUNARTE (2004-2005), Klauss Vianna de Dança (2007) e Interações Estéticas (2010).

Lenira Peral Rengel
Professora Doutora da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia. Aborda a Dança, com ênfase nos processos cognitivos que se dão no ensino/aprendizagem, ao atuar, principalmente, nos temas: educação como processo de continuidade: aspectos enativos e evolutivos do movimento; ciências cognitivas; semiótica cognitiva; procedimento metafórico do corpo; corponectividade; ética situacional; epistemologias do sul; dança e arte como necessidades humanas. Agrega esses temas aos aprofundados estudos e pesquisas na Arte de Movimento de Rudolf Laban. Doutora em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica, PUC/SP. Mestre em Artes/Dança pela Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP. Bacharel em Direção Teatral pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, ECA/USP. Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Dança/Mestrado em Dança/PPGDança - gestão 23 de setembro de 2015 a 31 de agosto de 2017. Sob sua gestão, ao coordenar trabalho conjunto, o PPGDança/UFBA obteve a nota 4. Líder do Grupo de Pesquisa Corponectivos: Dança/Artes/Interseções. Membro da Associação Nacional de Pesquisadores em Dança/ANDA da qual foi também da diretoria - Gestão 2013-2014 e 2015-2016 e coordenadora de comitê temático. Foi pesquisadora para a Enciclopédia Itaú Cultural de Dança. Ccoordenadora do Curso de Especialização Estudos Contemporâneos em Dança por duas gestões.. Editora e organizadora da Coletânea Corpo em Cena/ANADARCO. Pesquisadora e vice -coordenadora do Projeto Institucional MINC/UFBA ObservARTE-Observatório das Artes e Comunicação no Ensino Superior. Vice coordenadora do Projeto Institucional MINC/UFBA Simpósio internacional Arte na Educação Básica - Desafio para a construção da poética da educação para a sensibilidade e para a ética na sociedade democrática e libertadora. Atua como professora, palestrante, dançarina (com variadas técnicas e práticas), modelo vivo, performer, preparadora corporal, pesquisadora em várias Instituições públicas e particulares desde 1975 em vários estados e cidades. Tem artigos e livros publicados e textos instrucionais de cursos ministrados.
Lucia Helena Alfredi De Mattos

Lúcia Matos é professora Associado I da Escola de Dança da UFBA . Doutora em Artes Cênicas (UFBA, 2006, bolsista CAPES), Mestre em Educação (UFBA, 1998,bolsista CAPES) e Licenciada em Dança (UFBA). É líder do grupo PROCEDA -Políticas, Processos Corporeográficos e Educacionais em Dança (UFBA). Foi coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Dança - UFBA (2011-2013 / 2013-2015). Foi Bolsista de Produtividade em Pesquisa UFBA (PQ 2014/2015). Coordenou o projeto nacional de pesquisa "Mapeamento da dança: diagnóstico de oito capitais em cinco regiões do Brasil, com recursos financeiros do MINC/FUNARTE, com a participação de 25 pesquisadores, 01 técnico e 59 graduandos de 11 Universidades (bolsas UFBA). Implantou e foi editora da Revista Dança (PPGDança) até março de 2015. Foi membro do Colegiado Setorial de Dança da FUNARTE/ MINC (2010-2012). Foi representante da área de Dança na Câmara de Assessoramento Técnico da FAPESB na área de Linguagens e Artes (2007-2010), atuando como coordenadora dessa Câmara. Foi Diretora de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia /SECULT (2007-fev.2009). Fez parte do Grupo Gestor da Red Sudamericana de Danza - RSD (2010-2012). Foi Coordenadora do Curso de Artes Cênicas da FSBA e coordenadora artística do Teatro ISBA.Tem como áreas de interesse: políticas educacionais e culturais para a dança, processos educacionais em dança, corpo e diferença. Possui capítulos de livros, artigos publicados em revistas e anais de congressos (nacionais e internacionais). É filiada à ANDA, ABRACE, CORD (USA) e WDA (USA). Publicou o livro Dança e Diferença (EDUFBA, 2012/ 2ª edição ampliada, 2014),além de outras publicações, nacionais e internacionais, como capítulos de livros e artigos em anais

Ludmila Cecilina Martinez Pimentel

Atualmente é Professor Associado I da Universidade Federal da Bahia, Professor Permanente do Programa de Pós-graduaçao em Dança (UFBA) e Professor Colaborador do Programa de Pós-graduaçao em Artes Visuais (UFBA),Coordenadora da área de Dança no Programa Intitucional de incentivo à Docência (PIBID-UFBA). Membro do Conselho Editorial e Parecerista do Journal of Somatic and Dance Practices (Coventry University). Líder do Eletrico - Grupo de Pesquisa em Ciberdança (CNPq). Doutorado em Artes Visuais e Intermidias - Universidade Politecnica de Valencia, Espanha (2008), Mestrado em Comunicação e Cultura Contemporânea pela Universidade Federal da Bahia (2000). Especializacao em Coreografia pela Universidade Federal da Bahia (1995). Graduação em Licenciatura Em Dança pela UFBA (1994), em Dançarino Profissional pela UFBA (1995), e Bacharel em Enfermagem e Obstetricia pela Universidade de São Paulo (1987). Experiência na área de Artes, com ênfase em Artes Visuais, Intermidias, Performance, e Videodança, atuando principalmente nos seguintes temas: Dança e Tecnologias Digitais, Performance, Criação Coreografica com softwares, Ciberdança e Corpo e Tecnologia

Ludmila Cecilina Martinez Pimentel
Maira Spanghero Ferreira

Professora Adjunto III da Escola de Dança e professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Dança da Universidade Federal da Bahia. Graduada em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1994). Possui Mestrado (2000) e Doutorado (2005) em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo ? PUC-SP e Pós Doutorado em Dança pela School of Arts, da Brunel West London University, no Reino Unido (2009/10). Entre 2004 e 2010, fez parte do corpo docente do Departamento de Ciência da Computação da PUC-SP e lecionou nos cursos de Tecnologia e Mídias Digitais, Comunicação em Multimeios e Publicidade. Integra o Grupo de Pesquisa Laboratório Coadaptativo - LABZAT, onde investiga as relações entre arte, dança, comunicação e tecnologia. Tem experiência nas áreas de Crítica e Curadoria de Dança. Foi editora responsável da Revista Dança (2015-2016), vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Dança da Universidade Federal da Bahia

Rita Ferreira De Aquino

Artista, pesquisadora e educadora em dança. Professora Adjunta da Escola de Dança da UFBA e Vice-Coordenadora do Colegiado do Curso de Licenciatura em Dança (noturno). Professora Permanente e integrante do Colegiado do Programa de Pós-Graduação em Dança da UFBA. Doutora em Artes Cênicas (UFBA, 2015); Mestre em Dança (UFBA, 2008); Especialista em Estudos Contemporâneos em Dança (UFBA, 2006); e Licenciada em Dança (Faculdade Angel Vianna, RJ, 2005). Vice-coordenadora do projeto Arte no Currículo: convênio 2015-2016 entre a UFBA e a Secretaria Municipal de Educação de Salvador - SMED, projeto que encontra-se atualmente em fase de renovação para o biênio 2017-2018. Coordenadora Pedagógica do Mediação Cultural (2014-15) e do Mediação FIAC (2013), ambos programas de formação em artes cênicas. Coordenadora das Atividades Formativas do Festival Internacional de Artes Cênicas da Bahia - FIAC desde 2011, colaborando também na coordenação e curadoria do Festival em 2016. Co-organizadora de três edições do Seminário Internacional de Curadoria e Mediação em Artes Cênicas (2014, 2015, 2016). Coordenadora Pedagógica do Curso de Educação Profissional Técnico de Nível Médio em Dança da Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia (2010-2011). Professora substituta do Curso de Graduação em Dança da Universidade Federal da Bahia (2007-2008). Pesquisadora filiada à Associação Nacional de Pesquisadores em Dança (ANDA) e Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas (ABRACE). Pesquisa práticas colaborativas em contextos artísticos e educativos.

Colaborador
Nome Lattes Linha de Pesquisa
Daniela Bemfica Guimarães

Professora efetiva da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Doutora em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA/ 2017), orientação Profa. Dra. Ivani Santana. Mestrado em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA/ 2012). Graduação em Dança pela UFBA (2009) e Artes Plásticas (Itália, 1996). Pesquisadora e líder (2015) do Grupo de Pesquisa Poéticas Tecnológicas - Corpoaudiovisual (UFBA) desde 2008, responsável pela linha de pesquisa: ?Corpo na relação Dança e Audiovisual?. Co-criadora do Programa de extensão ?Trânsitos: experiências artísticas como processos de aprendizagem?, Edital MEC PROEXT 2016 (2016-2017). Foi diretora e bailarina da Cia Ormeo/Minas Gerais/Brasil (2003/2013). Atua principalmente nos seguintes segmentos: Interação de linguagens cênicas; Criação Cinematográfica em Dança, Corpo e composição; Improvisação como linguagem cênica no diálogo com o Cinema/Video/ Fotografia e novas mídias. Nos últimos anos vem ministrando workshops no Brasil e exterior sobre Improvisação e Composição na interação de linguagens, Contato-Improvisação e de Processos Criativos de corpo para Vídeo e Cinema.

Helena Tania Katz

Conjugando sua atuação no jornalismo cultural com atividades acadêmicas, é professora no Curso Comunicação das Artes do Corpo e no Programa em Comunicação e Semiótica, na PUC-SP, onde concluiu o doutorado (1994) com a tese Um, Dois, Três. A Dança é o Pensamento do Corpo, publicada em 2005. Graduou-se em Filosofia na Faculdade de Filosofia e Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1971) e exerce a função de crítica de dança desde 1977. Coordena o Centro de Estudos em Dança-CED, que fundou em 1986, grupo de pesquisa certificado pelo CNPq. Pesquisadora, professora, crítica e palestrante nas áreas de Comunicação, Cultura e Artes, desenvolve, em parceria com a Profa. Dra. Christine Greiner, a Teoria Corpomídia (2001, 2003, 2004, 2005, 2007, 2009, 2010), na qual realiza uma nova etapa com o projeto de pesquisa "O corpo apps do sujeito indexado: público e privado na vida on/off 

Joubert de Albuquerque Arrais

Professor Adjunto da Universidade Federal do Cariri - UFCA (Campus Juazeiro do Norte), pelo Instituto Interdisciplinar de Sociedade, Cultura e Arte - IISCA, vinculado ao curso de bacharelado em Jornalismo, setor de estudos "Estudos Comunicacionais em Cultura e Arte". Doutor em Comunicação e Semiótica - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP (2015, Capes/Prosup e Fapesp). Mestre em Dança - Programa de Pós Graduação em Dança - Universidade Federal da Bahia - PPGDanca/UFBA (2008, Fapesb/Capes). Bacharel em Comunicação Social/Jornalismo - Universidade Federal do Ceará - UFC (2003), com formação, residências e estágio artísticos pelo centro em movimento - c.e.m /Lisboa (2009/10, 2011, 2013, 2015, 2016). De outubro de 2013 a janeiro de 2017, lecionou como professor assistente e adjunto no bacharelado e licenciatura em Dança do Faculdade de Artes do Paraná - FAP, da Universidade Estadual do Paraná (Unespar). Principais áreas de atuação: Comunicação e Arte, com as temáticas: Crítica de Dança, Práticas de Pesquisa, Culturas Midiáticas, Danças da Mídia, Dança Contemporânea, Estudos do Corpo, Investigação do Movimento, Improvisação em Dança, Processos de Criação, Jornalismo Cultural. Atua como crítico de dança e artista da dança. Membro-fundador da Associação Nacional de Pesquisadores em Dança - Anda, e também conselho editorial e coordenador do comitê temático Produção de Discurso Crítico sobre Dança (2011/12, 2013/14, 2017/18). Escreve no site www.enquantodancas.net.

Lara Rodrigues Machado

LARA RODRIGUES MACHADO Professora Doutora da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia. Coordenadora do Colegiado dos Cursos de Bacharelado e Licenciatura em Dança da UFBA (2015 / 2016). Professora Colaboradora do Programa de Pós-graduação em Dança da UFBA. Possui Graduação em Dança (1994), Mestrado (2001) e Doutorado (2008) em Artes Cênicas pela Universidade Estadual de Campinas - SP (UNICAMP). Líder do Grupo Interinstitucional de Pesquisa Corpo e Ancestralidade UFBA. Participa como Segundo Líder do Grupo de Pesquisa em Dança Cultura e Contemporaneidade (UFBA), e do Núcleo Transdisciplinar de Pesquisa em Artes Cênicas e Espetaculares- (UFAL). Mestra de Capoeira e Presidente da ASSOCIAÇÃO ARTEIROS NA DANÇA, PONTO DE CULTURA DO MINISTÉRIO DA CULTURA DO BRASIL. Foi professora do Departamento de Artes Corporais da UNICAMP (2000 / 2009) e Professora do Departamento de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte nos Cursos de Licenciatura em Dança e Teatro - UFRN (2009 à 2012). Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Execução da Dança. Atua principalmente nos seguintes temas: dança, cultura, sociedade, arte e capoeira. Recebeu prêmios de Mérito Profissional e Acadêmico de Âmbito Nacional e Internacional, como o DIPLOMA MÉRITO ZUMBI DOS PALMARES da Câmarada Municipal de Campinas-SP nos termos do Decreto Legislativo 1371 (2000); PRÊMIO MOINHO SANTISTA JUVENTUDE na área de Dança da FUNDAÇÃO BUNGE (2003); DIPLOMA concedido ao Ponto de Cultura Arteiros na Dança pela REDE INOVACIONES EDUCATIVAS PARA AMÉRICA Y EL CARIBE - ESCRITÓRIO DE EDUCAÇÃO DA UNESCO (2004) e Primeiro Lugar no FESTIVAL MUNDIAL DE ARTES MARCIAIS - CHUNGJ - KOREA - ÁSIA (2004).

Aposentado Permanente
Nome Lattes Linha de Pesquisa
Fatima Campos Daltro

Doutora em Comunicação e Semiótica-Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2007), com Pós-doutorado pela School of Media and Performing Arts,Middlesex University, Londres/UK (2014), cuja investigação versa sobre processos colaborativos em dança em ambientes não convencionais, ênfase em improvisação no ato de encenação, e Pós-doutorado em Arte e Educação-Escola de Belas Artes da Universidade de Barcelona (2011), com pesquisas acerca do corpo da pessoa com deficiência que dança e potencialidades emergentes. è graduada em Licenciatura em Dança, Especialização em Coreografia, mestrado em Artes Cênicas, Universidade Federal da Bahia (1979/1985/2005).Professora da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia(1994/2016), membro do Programa de Pós-graduação em Dança e vice coordenadora (2015/2016). Líder do Grupo de Pesquisa Poética da Diferença (2009/2016) no qual articula ações de extensão, ensino e pesquisa que se distribui em três eixos de interesses, a saber, a) Ações em comunidades junto ao projeto de extensão Acessibilidade em Trânsito Poético, b) Ações voltadas para a pesquisa artística e prática da encenação em ambientes não convencionais junto ao projeto de extensão Grupo X de Improvisação em Dança, onde atua como coreógrafa/intérprete (1998/2017). Coreógrafa/dançarina do projeto Euphorico, que organiza residência artística em âmbito internacional (Brasil/França (2004/2017), junto á Cia. Artmacadam(FR) e o Grupo X de Improvisação em Dança(BR); c) Ações em torno de projetos de pesquisas acadêmicas de estudantes de mestrado e ou outros pesquisadores do campo da Arte, junto Projeto Diálogos Cruzados. Atua principalmente em estudos sobre processos colaborativos em improvisação em dança, e discussões acerca do corpo com deficiência e acessibilidade.

Jussara Sobreira Setenta

Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Dança da Universidade Federal da Bahia e professora do Curso de Graduação em dança na mesma Instituição de Ensino Superior. Possui doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontificia Universidade Catolica de Sao Paulo (2006), mestrado em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia (2002), especialização em Coreografia pela Universidade Federal da Bahia (1996), graduação em Licenciatura em Dança pela Universidade Federal da Bahia (1992). Tem experiência na área de Artes, atuando principalmente nos seguintes temas: dança, performatividade,performance, politicas de criação em dança, ensino da dança e coreografia.